PortalNippon = O seu conteúdo digital do Japão

Domingo, Dec 04th

Últimas atualizações01:06:59 PM JST

Você está aqui Home

Membros do CRBE se encontram com a comunidade de Hamamatsu

crbe-encontro-hice-01

Os conselheiros suplentes, Sandra Mieko e Wilson Hayashida, se reuniram na HICE para apresentarem propostas e ouvirem a comunidade brasileira em Hamamatsu.

No último domingo (22) foi realizado o primeiro debate com membros do CRBE (Conselho de Representantes dos Brasileiros no Exterior) em Hamamatsu, Sandra Mieko e Wilson Hayashida, conselheiros suplentes, que são da província de Shizuoka tiveram a iniciativa junto a Hice, onde foi realizado o debate em parceria com o consulado geral do Brasil em Hamamatsu, de promoverem esse primeiro encontro com a comunidade local.

O encontro contou com a presença do Cônsul geral do Brasil em Hamamatsu, José Antonio G. Piras e do vice-cônsul, Eduardo Fernandez, que demonstraram grande interesse em apoiar as ações do CRBE, para que possam operar com mais eficiência.

crbe-encontro-hice-02

Cinco meses após a criação do CRBE o encontro foi promovido para explicarem como funciona o conselho, parte do regimento interno e também para mostrarem as ações que pretende promover, através da ata consolidada que definiu algumas ações para serem trabalhadas pelos conselheiros.

O conselho serve para assessorar o ministério das relações exteriores na discussão de temas relevantes para a comunidade brasileira no exterior, bem como oferecer subsídio para formulação de politicas públicas que as beneficiem e sugerir medidas para o continuo aperfeiçoamento do serviço consular prestado pelo Itamaraty.

Os conselheiros suplentes mostraram suas idéias e também apontaram algumas falhas na atual estrutura do CRBE, dizendo que ainda é necessário melhorias e que também há uma falta de interesse da comunidade brasileira no Japão.

Sandra apontou como um dos projetos a serem apresentados na próxima conferência, a implantação das escolas bilíngues e melhoria na estrutura das escolas brasileiras no Japão. Hayashida disse discordar do atual sistema do CRBE e também relatou a inoperância do conselho até o momento, mas também exaltou a falta de interesse da comunidade em relação ao assunto, uma vez que todos os conselheiros foram eleitos com números ridiculamente inexpressivos.

crbe-encontro-hice-03

Os conselheiros mostraram preocupação em relação a educação das crianças que crescem no arquipélago, e também com saúde, capacitação e reconhecimento da mesma em relação aos trabalhadores brasileiros no Japão.

Ao serem questionados sobre a falta de uma ferramenta eficiente para ouvir a comunidade, e uma possível falta de interesse para realmente saberem o que a comunidade necessita, Hayashida constatou a falta de alguém especializado em mídia para que possam atingir a comunidade de maneira eficaz e fazerem com que eles possam se interessar pelas ações do conselho e possam sugerir melhorias e até mesmo cobrar um trabalho mais efetivo.

Sandra e Hayashida se comprometeram a ouvir a comunidade da região e levarem as sugestões a conferência anual que reúne os conselheiros e autoridades, além de manter a comunidade informada em relação as ações do conselho.

Apesar de até o momento o conselho nada ter feito, foi demonstrado um grande interesse dos conselheiros suplentes e também do consulado do Brasil em Hamamatsu, em ajudar a fazer o CRBE a funcionar de maneira eficiente, o que não foi demonstrado até o momento pelos conselheiros titulares.


asaki-ueji_footer