PortalNippon = O seu conteúdo digital do Japão

Sexta, Dec 09th

Últimas atualizações01:06:59 PM JST

Você está aqui Home

Após resgate de mais brasileiros, embaixada diz que não há interessados em deixar áreas atingidas no Japão

embaixada-toquio

Da Agência Brasil

O embaixador brasileiro no Japão, Marcos Bezerra Abbott Galvão, confirmou no dia 20 que dez brasileiros foram retirados na noite do dia (19), por uma comitiva do Consulado do Brasil em Tóquio, das regiões de Sendai, Onagawa, e Ishinomaki, as cidades mais atingidas no Japão, há cerca de dez dias, pelo terremoto seguido de tsunami.

Foram retirados dois brasileiros de Sendai e oito da cidade de Ishinomaki, uma das mais devastadas. O comboio ainda transportou três peruanos e um japonês. Todos foram levados à cidade de Kamisato, região de Saitama, onde a embaixada brasileira alugou abrigos para os brasileiros. De lá, alguns partiram para Tóquio.

Segundo o embaixador, apesar das dificuldades enfrentadas, vários brasileiros estão reconsiderando a decisão de deixar os locais mais atingidos e têm optado por permanecer no país. "As pessoas que ficaram estão onde há dificuldade, mas elas tomaram a decisão pessoal de permanecer onde estão. Isso vem ocorrendo. O número [de pessoas a serem resgatadas] nas missões tem sido sempre inferior aos números que originalmente levaram à decisão de realizar essas missões”, disse o embaixador por telefone.

O consulado havia recebido o pedido de 15 brasileiros que desejavam deixar Sendai. No entanto, quando o ônibus da missão brasileira chegou à região, 13 deles desistiram.

De acordo com ele, por enquanto, não há demanda para a realização de novas missões de transferência de brasileiros no território japonês.


asaki-ueji_footer